De que modo encarar o vício por chocolates

Você é um indivíduo viciado em chocolates? Todo mundo gosta de um doce de vez em quando, todavia se você não é capaz de ficar um dia sem uma barra de chocolate, é provável que você tem um problema. Inclusive alguém com o paladar mais doce pode vencer esta obsessão. Perceba se você é viciado nesta gostosura e apure o que fazer com o intuito de deixar de ser um viciado.
vicio-por-chocolate O primeiro passo é detectar os indícios. Nem todos os estudiosos no terreno da psicologia observam o desejo acentuado por chocolate como um legítimo vício. No entanto, alguns pesquisadores consideram que a liberação de endorfinas motivada pela absorção de chocolate cria uma compulsão física para obter um ótimo humor, sugerindo que seja possível viciar-se pela guloseima.
Analise se você sente que seu desejo por chocolates é definitivamente existente e bastante difícil de administrar. Esses podem ser muitos dos sinais: Você se sente “condicionado” e passa a precisar do doce em alguns períodos do dia, como depois do almoço, por exemplo? Somente de imaginar o chocolate ou observá-lo na prateleira do supermercado faz você babar? E, quando você está muito ansioso, ingerir um chocolate faz você se sentir mais descontraído e radiante?
Respondidas as perguntas afirmativamente e confirmada a sua dependência por chocolates, examine se isto é um problema em sua vida. Pergunte-se se a absorção em excesso da guloseima fez um estrago na sua dieta, ampliando seu peso e diminuindo sua absorção de alimentos com alto teor nutricional. (Ainda que o chocolate possua vários benefícios, o teor de gordura e açúcar são bastante elevados).
Analise se você não se sente radiante até que tenha ingerido chocolate no decorrer do dia. Para conseguir o chocolate você chega a desviar do seu caminho para o trabalho a fim de adquirir o chocolate, sentindo pânico de imaginar ficar sem ele a seu alcance.
Você inclusive é capaz de até estar tendo enxaquecas após ingerir chocolates, contudo nem o fato de você associar a dor à absorção do doce faz você refletir em parar de comê-lo.

De onde se origina o vício?

vicio-por-chocolate Você já se considera um chocólatra, já compreende que isso não é bom para sua saúde, porém ainda não sabe o porquê desse vício. É hora de localizar a razão. Há uma série de possibilidades que são capazes de estar fomentando sua obsessão por chocolates. Os problemas emocionais são uma delas. Você está se sentindo abatido, receoso, depressivo, frustrado, intranquilo com questões não resolvidas e o chocolate tornou-se uma relevante fonte de elevação do seu estado emocional.
Outra causa pode ser a substituição de uma refeição pelo chocolate. Você está com fome e o chocolate é útil, prontamente disponível e barato. Isto pode ser principalmente atraente se a guloseima encontrar-se na sua gaveta do trabalho ou em sua bolsa. Ou, provavelmente você esteja de dieta e você se sinta desprovido de alimentos prazerosos, que você naturalmente adoraria comer, então você está escapando, sem levar em consideração a quantidade calórica do chocolate na sua dieta.
Após identificar a causa, trate-a de forma salutar e tranquila. Embora você tenha alergia ao chocolate, você não tem necessidade de desistir completamente dele, todavia minimizar sua absorção. Existem alguns métodos para equilibrar seus desejos por chocolate. O mais fundamental é tomar a decisão de parar de ingerir de forma abusiva a guloseima e de usá-lo como uma muleta. É necessário desejar esta mudança, do contrário, você não irá conseguir.
Procure uma fonte de energia alternativa, ingerindo mais proteínas e grãos no almoço. Coma vegetais, tenha certas nozes e sementes em mãos, experimente bolachas sem gordura e beba mais água. Coma chocolates somente como um deleite esporádico e não como uma refeição.
Diminua a porção de chocolate consumido de semana em semana. E, ao comê-lo, atente-se em aproveitar e alongar a experiência. Experimente uma barra de chocolate de cacau de 80% (isso envolverá muito menos açúcar). Mude a rota no hipermercado e evite passar pelas gôndolas de guloseimas. Não há nada sadio naquela seção!
Conheça o que esperar, dado que você diminui a absorção de chocolates. Você pode experimentar sinais de abstinência como os da cafeína e você pode ser tentado a trocar o chocolate por outras guloseimas como doces, bolachas e broas.

Davi Andrade Autor